Call Center

Distrito Federal 4020 8880
Salvador e Região Metropolitana (71) 3345 8200
Feira de Santana 4020 8880
Alagoinhas 0800 071 8200
Seg à Sex - 6h às 19h Sábado - 6h às 17h

Blog

Saúde

Hepatite A em criança: saiba como prevenir

10 de agosto0 Comentários

A hepatite A é uma doença infecciosa caracterizada pela inflamação do fígado. É o tipo que mais afeta as crianças e está associada à falta de saneamento e má higienização dos alimentos.

O vírus pode ser transmitido pelo contato entre uma pessoa infectada com uma saudável, através de alimento, água contaminada e por via fecal-oral.  Também conhecida como hepatite infantil, a doença é assintomática. Nos casos mais graves, pode manifestar sintomas similares ao de uma gripe, como:

  • febre
  • dores musculares
  • cansaço
  • mal-estar
  • falta de apetite
  • enjoo e vômito

Diagnóstico e prevenção da hepatite A

O diagnóstico da hepatite A se dá por meio a observação dos sintomas e da realização de exames laboratoriais. Não existe um tratamento específico para doença e na maioria das vezes ela se resolve espontaneamente.  Apesar de não ser tão comum, pode apresentar complicações e evoluir para um quadro de hepatite fulminante.

A melhor forma de prevenir as crianças contra hepatite A é através da imunização. A vacina é dada por meio de uma injeção intramuscular e é indicada para crianças e adultos, a partir dos 12 meses de vida.

Elas são disponibilizadas pelo Sistema Único de Saúde (SUS), que tem como público-alvo crianças com idade entre 1​5 meses  e  quatro anos. Nas clínicas particulares, como Seimi Labchecap, as doses podem ser administradas em crianças a partir de 12 meses, adolescentes e adultos.

Manter o calendário vacinal atualizado é muito importante para a saúde.  Clique aqui e saiba quais são as orientações específicas para cada faixa etária da vida e conte com o Seimi Labchecap para a sua proteção.

Você também pode ser interessar por:

Notícias

Labchecap apoia a 4ª Corrida Colorida do Martagão Gesteira

10 de abril0 Comentários

O Labchecap é um dos apoiadores da 4ª Corrida Colorida do Hospital Martagão Gesteira, que acontecerá no dia 28 de abril, em Salvador.

A iniciativa conta com circuito com extensão de 4 km. Além de promover um momento recreativo para família, tem sua renda integralmente revertida para o Martagão Gesteira, um hospital filantrópico que atende mais de 80 mil crianças de todo o território baiano.

Cada participante receberá um kit composto por camisa do evento, uma sacola e pó colorido.

Os interessados poderão se inscrever através do site da Central da Corrida, na lojinha do Martagão ou no piso L2 do Salvador Shopping. A inscrição custa R$80. Idosos a partir dos 60 anos e crianças até 12 anos têm direito à meia-entrada.

Confira a programação:

Data: 28/04/2019
Inscrição: Central da Corrida, Lojinha do Martagão e Salvador Shopping
Largada: Jardim de Alah (estacionamento após o coqueiral)
Horário: 07h30

Notícias

Dia Mundial da Saúde: uma data para conscientização

05 de abril0 Comentários

Discutir sobre um tema é um importante passo para a transformação de uma realidade ou situação. É por isso que todos os anos, no dia 7 de abril, o mundo discute uma mesma pauta: saúde.

O Dia Mundial da Saúde é uma data celebrada para discutir o tema. É uma oportunidade de dar mais visibilidade a problemas e realidades associadas à saúde e chamar a atenção para a importância da prevenção.

Pensando nisso, a Organização Mundial da Saúde (OMS) estabelece, todos os anos, algumas metas prioritárias para a Saúde, que são discutidas globalmente. Para 2019, a Organização estabeleceu algumas prioridades, como a discussão e combate à:

  • Poluição ambiental e às mudanças climáticas;
       
  • Doenças crônicas não transmissíveis – como diabetes, hipertensão, doenças cardiovasculares;
    •    
  • Pandemia de gripe;
      •    
  • Resistência à vacina – o movimento antivacinal que vem surgindo no mundo representa um risco para a saúde;
        
  • Resistência antimicrobiana – resistência dos micróbios e bactérias a antibióticos e antiflamatórios devido ao uso indiscriminado desse tipo de medicamento; e
       
  • Infecções transmissíveis, como o ebola, a dengue, a gripe e o HIV.

As metas da OMS ainda preveem a discussão sobre os desafios de saúde pública, como o fortalecimento da assistência à saúde na atenção primária.

A prevenção deve ser o seu principal aliado. Consulte o seu médico e conte com o Labchecap para cuidar da sua saúde. Conheça nossos serviços de laboratório, imagem e vacina.

Responsável Técnico de Laboratório: Dr. Josemar Fonseca Silva – CRF 1290

Responsável Técnico de Imagem: Dr. Lucas da Gama Lobo – CRM 16202